03 March 2011

sorry.


A vida tornou-me em alguém que eu não queria, alguém inseguro, instável, com medo, sempre à defesa. E tu não tens culpa, não tens mesmo. Mas eu não sei como mudar isso, não sei ser de outra forma, e não sei se quero, pois sei que se mudar te vou acabar por perder, a segurança nunca é demais. Se calhar não te sentes bem comigo, se calhar não te faço feliz, se calhar sou só uma idiota e estavas melhor sozinho. Se calhar nem devia estar a escrever isto...
Eu não sei mais o que te dizer, como te mostrar o que sinto, e enquanto escrevo as lágrimas escorrem-me pela cara, por seres tão importante, e por já ter mudado tanto por ti. Tu não entendes, não percebes no que te tornaste. Já só sei chorar, o meu dicionário ardeu e fiquei sem palavras, sem uma forma de te dizer; de te dizer como me sinto por dentro; de te dizer o que significas.

DESCULPA se não sou quem mereces.

1 comment:

bea said...

ja estou a seguir :)